Composé

Composé Lifestyle - Arquitetura e Inspiração

Marmorite ou mármore sintético

O marmorite ou mármore sintético é a versão industrializada do mármore. A maior parte de sua composição, no entanto, é de mármore natural (90% ou mais), em pó ou em partículas.

 

Diferença entre marmorite e granilite
Muitas vezes os termos marmorite e granilite são usados como se fosse sinônimos. Mas na verdade existem diferenças. O marmorite é uma mistura apenas de mármore e pó  em pequenos pedaços misturados com algum tipo de pasta, como uma resina. Já o granilite pode ser composto de várias pedras, inclusive misturadas, como granito, mármore ou quartzo. Essas pedras são também quebradas em partículas e misturadas com uma pasta resinada ou cimentícia, por isso o aspecto final do marmorite e do granilite podem ficar bem parecidos.

 

Tipos de marmorite ou mármore sintético

Existem vários tipos e modelos de mármore sintético. O tipo de mármore utilizado pode variar, e ele pode estar em pó ou em partículas. Se estiver em pó, o aspecto fica mais homogêneo, e se estiver em partículas o visual fica mais estampado.

Os vários tipos de mármore sintético recebem diferentes nomenclaturas, como Aglostone e Emporio Stone, por exemplo. E cada um desses tipos pode ainda ter várias cores ou estampas.

 

Vantagens do mármore sintético
A principal vantagem do mármore sintético é o aumento de resistência em relação ao mármore natural. Entre as pedras naturais, o mármore não é a mais resistente, pois pode quebrar nas pontas ou manchar com certa facilidade. O granito, por exemplo, é uma pedra mais resistente no geral. Mas por ter sempre algum tipo de pasta aglutinante na sua composição, normalmente uma resina, o mármore sintético fica mais durável e resistente. E mesmo assim o preço do mármore sintético é menor do que o do mármore natural.
 

O mármore sintético pode ter esse o visual da pedra natural, ou então ser quase liso ou ter várias partículas de pedras aparentes. Então a versatilidade de acabamentos é outro ponto forte.

 

Cubas e tanques de mármore sintético
O mármore sintético funciona bem para revestir pisos e paredes, pois pode ficar com juntas discretas e é um material durável.

E justamente por essas características, juntamente com a grande variedade de acabamentos, ele começou a ser usado também para fazer cubas, tanques e outros elementos menores. Quando é usado dessa forma, ele costuma ter aspecto mais liso, e fica parecido com as peças de louça comuns. A vantagem, nesse caso, é que o mármore sintético é mais leve do que a louça, facilitando então a instalação.

 

Fonte: Blog Dicas de Arquitetura