Composé

Composé Lifestyle - Arquitetura e Inspiração

Como driblar o sono?

Empreendedores têm uma agenda muito apertada. Como, em muitos casos, não há recursos para contratar mais gente, o dono de um negócio deve organizar o orçamento, ir a reuniões e atender aos clientes, dentre inúmeros outros aspectos. Até por isso, fica difícil dormir bem, sem falar na insônia e em outros aspectos que prejudicam o sono. No entanto, os consumidores e parceiros não estão nem aí para as suas noites mal dormidas. Você vai ter que enfrentar o dia.

Que fique claro: a melhor receita contra o sono é dormir. Mas há alguns "truques" que podem ajudar os empreendedores a suportar o dia e se manter produtivos. Confira as dicas do especialista em sono da Universidade de Harvard , Orfeu Buxton:

 

1. Não aperte o botão soneca
O despertador toca. Só que, generoso, o seu celular oferece a chance de "esticar" seu sono por mais cinco minutinhos. Mas não caia nessa. O cochilo adicional não ajuda a descansar mais. Aliás, você acorda menos alerta após apertar o botão soneca. O artigo tem uma dica de Orfeu Buxton, especialista em sono de Harvard. Segundo ele, o melhor é ajustar o despertador para o horário em que você realmente precisa sair da cama. Assim, o tempo de sono realmente restaurador é maior.

2. Não pule o café da manhã
Não é incomum ignorar a primeira refeição do dia em troca de mais tempo na cama. Buxton afirma que tal prática é inapropriada. Segundo ele, comer na primeira hora após sair da cama ajuda as pessoas a ficar despertas durante a manhã. Tente evitar o açúcar – a substância faz você ficar alerta muito rapidamente, mas essa sensação vai embora na mesma velocidade.

3. Não esqueça da cafeína
A ingestão de cafeína ajuda a minimizar a chamada "inércia do sono", aquela sensação que faz as pessoas se sentirem meio lentas assim que acordam. Vale ressaltar que não estamos falando de café – bebida que pode trazer mais prejuízos que benefícios. Chá preto ou verde podem ser boas opções.

4. Dê uma volta
Caminhe um pouco antes de trabalhar. Se você empreende de casa, dê uma volta no quarteirão. O mesmo serve para quem usa o carro. Para quem anda de ônibus e metrô, o trajeto feito a pé já resolve. Segundo Buxton, o passeio ajudar a despertar, aumenta a temperatura corporal e ajusta o relógio biológico.

5. Esqueça os óculos de sol
Ao caminhar, deixe os óculos escuros de lado. As lentes impedem que você receba a frequência apropriada de luz solar, ótima para manter você acordado.

6. Comece com as tarefas difíceis
O raciocínio é simples: se você não dormiu bem, o mais provável é que você esteja mais cansado no fim do dia. Então aproveite as primeiras horas do dia para resolver os problemas mais complicados.

7. Pegue leve no almoço
Não coma feijoada. Ao ingerir alimentos mais calóricos, é natural que o corpo se dedique à digestão – o que faz o fluxo sanguíneo ser mais lento no cérebro e, naturalmente, afeta o raciocínio. Buxton recomenda uma refeição baseada em grãos integrais, vegetais e proteínas magras.

8. Durante a tarde, faça trabalhos mecânicos
Não vai ter muito jeito: à tarde, você estará cansado. Portanto, "aproveite" para trabalhar em tarefas que não exigem muito raciocínio. Organize seus documentos, responda e-mails e faça ligações menos complicadas.

 

Fonte: Revista PEGN ( http://goo.gl/b4BsoI )